Tabela de jogos


Futebol
 

Vôlei
de Praia

Atletismo
 

Basquete
 

Futsal
 

Judô
 

Handebol
 

Voleibol
 

Natação
 

Tênis
de Mesa

Xadrez
 

Quadro de
Vencedores

SEMIFINAIS DO FUTSAL TÊM JOGOS EMPOLGANTES E DISPUTA DE PÊNALTIS

1W0A8690

Na tarde dessa terça-feira, 30/08, no ginásio Amadeu Teixeira foram definidos os finalistas do torneio de futsal dos Jogos dos Institutos Federais (JIFS). Os institutos do Amazonas, Pará, Tocantins, Rondônia, Acre, Roraima e Amapá se enfrentaram em jogos muito disputados e com gols que levaram a torcida a comemorar bastante.

Modalidade feminina

O primeiro jogo foi entre os times do Amazonas e do Pará, as jogadoras do Instituto Federal do Amazonas (IFAM) abriram o placar em 1:33, com um cruzamento de escanteio que teve ajuda da goleira do Pará. Aos 2:58, as amazonenses conseguiram seu segundo gol com Lais Aparecida.

1W0A8659

No segundo tempo,  o time do Pará tentou o empate mas viu a amazonense e capitã do time Fernanda Cardoso ampliar o placar aos 16:37. Depois de 7 chutes ao gol, as paraenses conseguiram um gol contra da jogadora do Amazonas, o placar terminou em 3 a 1.

A goleira do IFAM, Erica Cristina, comentou sobre o jogo da final “sabemos que a final será ainda mais difícil que hoje, então procuramos nos entrosar mais e buscar o título para o nosso estado”.

O segundo time finalista saiu entre o jogo das meninas do Tocantis e de Rondônia. Nathalia Beito abriu o placar para as  tocantinenses aos 2:55. Depois do gol o time do Instituto Federal de Rondônia (IFRO) dominou o primeiro tempo terminando com 7 chutes ao gol, todos defendidos pela goleira tocantinense e apenas uma defesa da goleira de Rondônia.

1W0A8725

Na segunda etapa, o IFRO continuou dominando o jogo e o gol de empate saiu dos pés de Katia Cristina faltando 5 segundos pro final do jogo, o que fez a partida ir para a prorrogação. No primeiro tempo Rondônia virou o placar com Debora Mourão aos 21 minutos, não deu nem tempo de comemorar e as tocantinenses empataram depois de 35 segundos com Natacha Beito fazendo seu segundo gol.

Tentando ficar na frente do placar de novo, o time de Rondônia arriscou muito, o que causou problemas para a zaga, chegando até a possuir uma zagueira rondoniense contra três atacantes de Tocantis. Com esse problema, o placar foi ampliado aos 27:28 com Sarah Pereira, o placar terminou em 3 a 2 para o time de Tocantis.

A capitã Natacha Beito do IFTO disse que o time não jogou tão bem como nas outras partidas e comentou sobre pegar a anfitriã na final “é uma honra estarmos na final, sempre haverá uma pressão mas estamos confiantes de que vamos levar o título para nossa casa”.

Equipes masculinas

A terceira partida do dia foi a mais movimentada e a mais empolgante, entre os Institutos Federais do Acre (IFAC) e Rondônia (IFRO).

O time do Acre escolheu jogar ofensivamente chegando a ter 27 chutes mas apenas 7 no gol, e mesmo atacando muito o adversário não sentiu pressão, fazendo o primeiro gol do jogo com Raylon Silva aos 3:20 e depois o segundo aos 4:13 de Gustavo Alves.

O camisa 9 Vagner Gomes deu uma esperança a mais quando conseguiu diminuir o placar aos 17:28 minutos, o time de Roraima terminou o primeiro tempo com 3 chutes no gol.

No segundo tempo, os roraimenses conseguiram ampliar o placar com Gustavo Alves, marcando seu segundo gol na partida. O IFAC continuou com sua proposta ofensiva chegando a dar 21 chutes e parando nas mãos do goleiro do IFRO que defendeu 10 dos 13 chutes ao gol. Depois de muito tentar, o time conseguiu diminuir com Jose Eberson aos 25:25.

Jadson da Conceição de Roraima ampliou aos 28:57 fazendo 4 a 2. O time do Acre não desistiu e fez o terceiro aos 34:21com Mairo de Castro, e quando tudo parecia acabado o camisa 11, Douglas Carneiro, fez o gol de empate que levantou os torcedores que estavam na Arena Amadeu Texeira e fez até mesmo jogadores do próprio time chorarem de emoção.

O jogo estava então 4 a 4, preparado para os penaltis, quando o técnico Manuel trocou o goleiro Denilson Silva por Samuel da Silva Santos que se mostrou muito emocionado pelo empate do time.

A partida terminou e os jogadores estavam muito cansados e as duas torcidas que, durante o jogo estavam em cantos separados do ginásio, correram para um dos gols onde ocorreriam as disputas de penaltis e viram os dois times acertarem três cobranças até que o time acreano perdeu um pênalti.

Com o pênalti perdido, o peso caiu sobre Raylon Silva que não se mostrou pressionado e converteu, fazendo assim o time de Roraima ir pra a final do JIF – Etapa Norte 2016.

O estudante-atleta Alexandre Gomes Ferreira, do IFRO, falou sobre a disputa de pênaltis e sobre chegar a final “Levamos muito a sério, é como se fosse uma competição da europa, estamos tentando chegar a final a três e isso é muito bom para gente”.

Sobre o JIF-Etapa Norte

 O Instituto Federal do Amazonas (IFAM) é o anfitrião dos Jogos dos Institutos Federais – Etapa Norte (JIFs 2016). Os campeões de cada modalidade irão competir na etapa nacional que acontecerá nos dias 4 a 9 de outubro, em Brasília (DF).

O JIFs – Etapa Norte 2016 têm o apoio da Procter & Gamble (P&G), empresa internacional de bens de consumo, como alimentos e produtos de higiene e limpeza, e da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel-AM).

FOTO: ASSESSORIA IFAM

TEXTO: JOÃO VICTOR LUZIO

Realização                                                   Apoio